Do CN1

O advogado Walker de Montemor Quagliarello, de 50 anos, um dos condenados por participar de um esquema de corrupção desmascarado pela Operação Maet, da Polícia Federal, morreu vítima de acidente cardiovascular (infarto) na madrugada desta sexta-feira (11), em Araguaína, no norte doTocantins. As informações sobre a morte foram divulgadas na página da Ordem dos Advogados do Tocantins (OAB-TO) na internet.
Conforme testemunhas, o advogado começou a passar mal enquanto estava dentro do carro dele, na BR-153, próximo a um posto de combustíveis. Ele estaria acompanhado de um travesti, que se desesperou ao ver a situação do homem.
O acompanhante chegou a comentar através de uma rede social o apuro: "Gente... Caramba... Um homem morreu aqui depois de g... Tô aqui presa em um carro. E um monte de repórter fora. Que azar."


Os vereadores Leonardo Sá (PDT), Oziel Menezes (PSD) e Sival Souza (PMDB), criticaram, a ausência da PM em eventos nos fins de semana, liberações de licenças para festas e desatacaram a crescente da onda de roubos , furtos e assassinatos. 

Vereadores da câmara municipal de Pinheiro usaram a tribuna da casa na sessão da manhã desta segunda (15), para chamar a atenção das autoridades, para o excesso de festas aos fins de semana por toda a cidade.

O vereador Leonardo Sá (PDT), destacou que o clima de insegurança tomou conta da população pinheirense, e que as pessoas de bem da cidade, deixaram de frequentar locais tradicionais à noite, com medo da onda de violência que assola o município de Pinheiro. Leonardo criticou o excesso de liberações de licenças para festas na cidade de pinheiro, o vereador classificou como um temendo absurdo, e irresponsabilidade o acontecimento de dezenas de festas nos fins de semana em pinheiro, sendo que a policia não faz a segurança nos locais dos eventos. “Se a policia não tem condições de dar assistência em todas as festas que libera a licença, que deixe de liberar licenças para mesmas”, finalizou o vereador.

Segundo o vereador Oziel Menezes (PSB), a violência tomou conta da cidade, e a cada dia aumenta o índice de roubos, furtos e assassinatos. O vereador exigiu uma ação rápida e eficaz por parte das autoridades, em combate a criminalidade em pinheiro. “Eu confio na capacidade do comandante Ramos do 10º BPM, que vem fazendo um bom trabalho em combate as ações de criminosos na cidade de pinheiro, e peço que dê uma resposta imediata as pessoas de bem desta cidade que estão aterrorizadas com a onda de violência e falta de segurança em pinheiro, e coloque essaquadrilha o mais breve possível atrás das grades”, concluiu Oziel. 

O vereador, Sinval Souza (PMDB, destacou os acontecimentos quaticos tradicionais que acontecem em pinheiro, nos dias que antecedem a semana santa, e destacou a morte por afogamento do Jovem Anderson de 18 anos no balneário de vitória dos bragas, na tarde do ultimo domingo.

O vereador Sinval, pediu mais segurança nesse tipo de evento, e solicitou apoio a todos os edis da casa na aprovação de uma lei, que capacite guardas municiais, oferecendo treinamentos adequados para aturem na segurança desse tipo de eventos.

Criticou ainda o vereador, a ausência da PM em festas no município, e destacou o evento que aconteceu no ultimo fim de semana, na ponte José Sarney, que dificultou o trânsito, colocou em risco a vida de centenas de pessoas
Professores e Servidores fazem funeral da educação
no município.


O enterro simbólico da educação comandada pela prefeita Lidiane Rocha pelas ruas de Bom Jardim, ocorrido na manhã de hoje (15) foi a demonstração do sentimento de revolta dos professores com a postura do executivo municipal com relação à educação e ao tratamento dispensado aos educadores, em estado de greve há mais de uma semana e podendo deflagrar greve geral a qualquer momento. Eles reivindicam a normalização das aulas na Zona Rural que estão a mais de 1 ano paradas, a merenda escolar nas escolas, distribuição de Livros Didáticos, pagamento do terço de férias; reajustes, convocação dos concursados e protestar contra o corte de 50% de seus salários.

“Este caixão significa todas as mazelas proferidas por esse governo, que so prejudicam os trabalhadores, como uma gestora pode corta pela metade o salario de um educador? Isso é um absurdo em pleno seculo XXI”, disse um dos Professores, que acompanhava a manifestação.

O protesto dos professores teve início na sede do sindicato dos Professores (SINPROBEM), onde vários trabalhadores, pais de alunos e claro professores saíram pelas principais ruas de Bom Jardim, ao chegarem na Sec. de Educação usaram a palavra em trio elétrico para denunciar à população os problemas que os educadores enfrentam no dia-a-dia na e a falta de compromisso do governo em garantir melhorias salariais que valorizam a carreira do professor, perseguição politica e o corte de mais de 50% no salario dos concursados de 2011 neste ultimo pagamento.

Uma grande passeata, simbolizando o cortejo fúnebre para o enterro da educação do município, seguiu pela rua nova Brasilia (Rua do Forúm), onde os educadores realizaram várias formas de protesto, onde pararam em frente ao Ministério Publico Estadual e no Fórum de Bom Jardim, em carro de som os professores pediam atitudes do Juiz local e da Promotora de Bom Jardim sobre os desmandos que o município de Bom Jardim vive sobre essa gestão "Sr. Juiz e Srª Promotora ouçam nosso apelo, vejam os desmandos nesse municipio não é possivel que voces não estão vendo" Disse uma das manifestantes.

Em seguida se dirigiram pela BR 316 até a Sec. de Educação onde estenderam faixas e discursaram, a decisão de parar no prédio da Prefeitura foi cancelada porque a porta do prédio da prefeitura estava isolada com madeira a mando da gestora municipal. 

Ao passar pelas ruas, o povo manifestava apoio ao movimento que foi ganhando mais adeptos toda vez que passava por uma esquina, no total mais de mil pessoas participaram da marcha que foi organizada pelo SINPROBEM mas que teve o apoio do SINSERP e UMESB.

A presidente do Sindicato dos Professores de Bom Jardim, Elizangela, disse que a entidade busca, por meio de suas manifestações, pelo menos ser recebido pela administração para continuar as negociações com a prefeita de Bom jardim, a fim de garantir respeito aos professores da rede municipal de ensino. "Sabemos que provavelmente levaremos falta por fazer essa manifestação hoje, mas temos que estar juntos nesta caminhada, o interessante e que na Sec. de Educação nao tem ninguem e nem na prefeitura, duvido se eles levarão algum tipo de falta". Frisou a presidente do Sindicato Elizangela.

A caminhada terminou na Câmara Municipal de Bom Jardim, onde os professores fizeram o velório simbólico na plenária e assistiram a sessão que também acontecia hoje. Toda a manifestação foi pacifica e não houve precedentes. Acompanhe imagens exclusivas da manifestação da população de Bom Jardim contra o atual governo municipal.


Nenhum congressista ignora: o dinheiro continua saindo pelo ladrão no orçamento da Petrobras porque os apaniguados dos políticos continuam entrando no orçamento. Diante disso soou espantoso o silêncio da banda muda do Senado durante a inquirição da presidente da Petrobras, Graça Foster, nesta terça-feira. Uma única e solitária voz tratou do tema a sério.

Na sua vez de formular perguntas, Pedro Simon (PMDB-RS) deu nome aos bípedes que frequentam o primeiro escalão da Petrobras por indicação política. Noves fora os já demitidos, citou três diretores apadrinhados por Fernando Collor (PTB-AL) e um diretor patrocinado pela bancada do PT na Câmara.

Mencionou também o ex-parlamentar Sérgio Machado, que preside a subsidiária Transpetro desde 2003 por indicação do presidente do Senado, Renan Calheiros. “Está quase ganhando estabilidade no emprego”, ironizou Simon, antes de descer ao ponto: “É isso o que está atrapalhando a Petrobras.”

Em timbre de decepção, Simon disse que esperava que, ao assumir a presidência da estatal, em 2012, Graça Foster imprimisse “outra linha” à gestão da empresa. Em privado, a presidente da Petrobras é uma crítica mordaz do aparelhamento da estatal. Sob holofotes, porém, respondeu a Simon com desconversa.

“Nós temos técnicos e engenheiros da Casa, tanto atualmente quanto na diretoria anterior. E sempre tivemos um número bastante grande, em outras diretorias no passado, de bons técnicos da companhia. Os nomes que o senhor citou em geral são bons técnicos da nossa Casa.” Simon interveio: “Alguns não são, não.”

Graça não se deu por achada: “Falo da diretoria atual, a diretoria indicada e levada ao Conselho de Administração por mim e, por isso, de minha total responsabilidade.” Ora, qualquer técnico que chega a um posto de mando da estatal carregado nos ombros de um político prestará contas ao padrinho antes de se reportar aos superiores hierárquicos.

Paulo Roberto Costa, o ex-direitor preso da Petrobras, é um exemplo típico dessa tribo. Servidor de carreira da Petrobras, foi alçado à diretoria de Abastecimento graças ao deputado mensaleiro José Janene (PR), ex-líder do PP na Câmara. Lula o chamava de , Paulo Roberto de “Paulinho”. Com a morte de Janene, Paulo Roberto foi assumido por PT e PMDB. A coisa terminou na cadeia.

Líder do PSDB, o senador Aloysio Nunes Ferreira (SP) comentou os casos de Paulo Roberto e de Nestor Cerveró, o ex-diretor que Dilma Rousseff acusa de ter elaborado o relatório “falho” que a levou a avalizar a compra da refinaria de Pasadena. Por que não foram demitidos logo que vieram à tona as primeiras irregularidades? Graça não respondeu. “Tinham costas quentes”, disse Aloysio.

O senador tucano referiu-se a um diálogo mantido por Dilma com o vice-presidente Michel Temer. Deu-se na época em que se discutia a reforma ministerial. Na versão vazada para o repórter Lauro Jardim, a presidente negou um ministério extra ao PMDB sob o argumento de que a Transpetro vale mais do que muitos ministérios.

Sem citar Sérgio Machado, o mandachuva da Braspetro, e Renan Calheiros, o padrinho dele, Aloysio Nunes lançou no ar uma incômoda indagação: “Quantos votos rende a Transpetro?” Votos, não rende nenhum. Poder-se-ia dizer que os padrinhos indicam os afilhados por patriotismo. Mas a insistência com que a Petrobras frequenta o noticiário policial indica que a motivação é de outro tipo. Vem daí o fato de o Congresso ter no momento quatro CPIs da Petrobras e nenhuma investigação.
“Eu não te disse para nunca dizer minha idade para ninguém, agora tu vai apanhar para aprender”


Fato pra lá de engraçado aconteceu no bairro Vila Ipiranga, em Imperatriz. Um morador que teve apenas a idade revelada, 35 anos, foi espancado pela própria esposa durante o final de semana.

O motivo da agressão foi pelo fato do marido ter revelado a idade de sua companheira que guardava o “segredo” a sete chaves.
A esposa-agressora tem 45 anos, só que aos amigos do casal, quando perguntada, informava possuir somente 35 aninhos. No último sábado em uma reunião, o maridão, acidentalmente, deixou vazar a idade da mulher.

A coroa que mentia sobre a idade, deixou apenas chegar em casa, para pegar uma ripa de madeira e agredir o descuidado marido acertando-o pelo menos dez vezes nas costas, peito braços e pernas.

Segundo relatos dos vizinhos que ouviram os gritos do marido apanhando, a esposa batia ao tempo que gritava enfurecida: “Eu não te disse para nunca dizer minha idade para ninguém, agora tu vai apanhar para aprender”
lobao


O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva recebeu hoje, na sede do instituto Lula, em São Paulo, o pré-candidato a governador do Maranhão pelo PMDB, Lobão Filho, a quem garantiu o apoio total do PT. Na conversa, na qual Lobão Filho falou de seus projetos para o estado, Lula descartou apoio do PT a Flávio Dino, e ainda classificou de antiética a postura do chefão comunista, de acender vela para todos os candidatos a presidente. Na conversa com Lula, Lobão Filho foi acompanhado do ministro de Minas e Energia, Edison Lobão.


MPF/MA - (15/04/2014) De acordo com a sentença, o ex-prefeito terá ressarcir aos cofres do Fundef mais de 7 milhões de reais.

A pedido do Ministério Público Federal no Maranhão (MPF/MA), a Justiça Federal condenou o ex-prefeito do município de Buriticupu, Antonio Gildan Medeiros, por omissão na prestação de contas referentes a recursos repassados pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), no ano de 2004.

De acordo com a sentença, o ex-prefeito terá ressarcir aos cofres do Fundef mais de 7 milhões de reais. E, além disso, Antonio Gildan Medeiros terá seus direitos políticos suspensos por três anos, bem como a possibilidade de contratar com o poder público, no mesmo prazo.

Por intermédio de um relatório de informação técnica, o Tribunal de Contas do Estado do Maranhão (TCE/MA) constatou que Antonio Gildan Medeiros deixou de prestar contas do uso do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento do Ensino Fundamental e de Valorização do Magistério (FUNDEF).


O PREFEITO CHICO GOMES, homem com mais de 70 anos, criado no tempo em que a palavra de um homem valia mais que mil documentos, palavras dele, em reunião com o SSPMVC e Comissão de Servidores, junto com sua Ass. Jurídica em abril de 2013 , prometeu cumprir os acordos firmados : pagar, salário família, terço de férias em março sobre 15 dias, todas as vantagens garantidas no PCCS EDUCAÇÃO, ajuda de custo e as horas extras para vigias, G. Municipais e Ag. de Trânsito e até DURANTE TODO O ANO DE 2013, NÃO CUMPRIU COM NENHUMA DE SUAS PROMESSAS feita na reunião, onde afirma que sua palavra tem valor e credibilidade mas no entanto, nos leva a pensar no tipo de prefeito (CHICO PINÓQUIO OU CHICO MENTIRA, COMO PREFERIREM),que temos e que o mesmo não pode mais manter sua palavra e muito menos documentá-la, haja vista que o mesmo está ignorando e descumprindo todas as leis municipais e federais já existentes que garantem ao servidor seus direitos. Observem o compromisso acima: “INCENTIVO AOS PROFESSORES PARA TRABALHAR NA ZONA RURAL”. COMO PODEMOS ACREDITAR NO PREFEITO CHICO GOMES E SEU SECRETÁRIO DE EDUCAÇÃO SE OS MESMOS TIRARAM TODAS AS VANTAGENS DOS SERVIDORES, NÃO PAGANDO SALÁRIO FAMÍLIA, TERÇO DE FÉRIAS, AJUDA DE CUSTO E OUTROS DIREITOS, E PRA 2014 PROMETE BAIXAR DE NÍVEL III PARA O NÍVEL I, OS PROFESSORES QUE NÃO TEM PEDAGOGIA E QUE TRABALHAM DA ED. INFANTIL AO 5º ANO, RETIRAR A REDUÇÃO DE CARGA HORÁRIA DOS PROFESSORES COM MAIS DE 50 ANOS DE IDADE E 20 ANOS DE SERVIÇO, DANDO UM PREJUÍZO ABSURDO AOS SERVIDORES DESTE MUNICÍPIO E MAIS UMA VEZ HUMILHANDO OS PROFISSIONAIS DESTE MUNICÍPIO,
O SSPMVC, junto com sua assessoria jurídica, já entrou com várias ações contra a administração atual para que os nossos direitos sejam respeitados e estamos aguardando a justiça, já que eles não respeitam os pais e mães de famílias que trabalham dignamente e não recebem seus salários de forma correta. Enquanto isso, PEDIMOS A TODOS OS SERVIDORES QUE FIQUEMOS UNIDOS PARA PODERMOS LUTAR JUNTOS PELOS NOSSOS DIREITOS.
Flávio Dino
Reunião terminou agora a pouco em Brasília, Aécio agora é Flávio Dino

Com a adesão de Aécio Neves à pré-candidatura de Flávio Dino (PCdoB) ao governo do Maranhão, oficializada agora à noite, três partidos apresentaram nomes para compor a chapa do líder disparado das pesquisas e favorito para vencer no primeiro turno.

PDT, PSDB e SDD

O PDT apresentou Márcio Honaiser. Os tucanos, Carlos Brandão e o SDD, mesmo sem alarde, comunicou que Wagner Lago é o nome da sigla.

Conforme o presidente estadual do PCdoB, Márcio Jerry, os partidos farão exaustivas reuniões para deliberar por consenso. Em entrevista exclusiva ao grupo do WhatsApp Leitores da Aldeia, ele destacou que além da definição de vice-governador, as siglas escolherão os dois suplentes de Roberto Rocha, do PSB, homologado como candidato ao senado federal.

Maranhão do Sul

Agora a tarde, Márcio José Honaiser recebeu um importante reforço. Trata-se do presidente do Comitê Pró-Maranhão do Sul, Fernando Antunes.

"Não fui à reunião que definiu o vice porque não integro o diretório estadual do PDT mas se estivesse lá, votava nele", disse Fernando Antunes hoje de manhã à reportagem.

Segundo ele, qualquer nome dos 49 municípios do Maranhão do Sul é bem-vindo. Márcio José Honaiser é de Balsas.