segunda-feira, 27 de março de 2017



Raimundo dos Santos Gomes, mais conhecido como “Bocarel”, foi linchado na noite desta terça-feira (21) no bairro Novo Areal, após tentar realizar um assalto. Populares perceberam a ação criminosa e revidaram. “Bocarel” chegou a desmaiar após ser espancado.
O indivíduo tem diversas passagens pela polícia e é conhecido por usar de violência para intimidar as vítimas.

O delegado de Coroatá, Claudio Mendes, decretou a prisão de Raimundo dos Santos, mas o mesmo continua solto. Nesta quarta-feira (22) ele foi visto sozinho na UPA de Coroatá a espera de atendimento e foi embora tranquilamente.

Suspeito é linchado após tentativa de assalto em Coroatá



Foi solto na manhã deste sábado, 26, o agiota Gláucio Alencar, acusado de ser o mandante do assassinato do jornalista e blogueiro Décio Sá. Em nota, a Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap) informou que cumpriu determinação do Supremo Tribunal de Justiça (STJ).

Gláucio Alencar foi beneficiado com uma decisão do ministro Ribeiro Dantas, que optou pela prisão domiciliar, com monitoramento eletrônico (tornozeleira), por julgar inadequada a aplicação do regime disciplinar diferenciado (isolamento), sem que o mesmo tenha cometido infração no sistema prisional.

O Governo ressaltou que no período em que esteve preso, Gláucio esteva separado de outros internos, devido às ameaças que recebia e a sua integridade física.

Décio Sá foi morto no dia 23 de abril de 2012, em um bar na Avenida Litorânea pelo pistoleiro Jonathan Silva, contratado por Gláucio. A morte foi encomendada depois de várias postagens publicadas pelo jornalista, denunciando um esquema de agiotagem com prefeituras do interior do Maranhão.

Mandante da morte de Décio Sá é solto pela Justiça



VÍDEO DO DIA: assalto no São Francisco



Um modelo infame foi instalado no Brasil, vide a manchete.
Pipocam concursos para todos os lados, quem ganha e quem perde?

Ganham os cursinhos especializados para concursos, proliferam.

Ganham os editores de apostilas e livros para tal.

Perdem os concurseiros, dinheiro na inscrição, alguns são grátis, ficam mais atrativos. Dinheiro na aquisição de apostilas e livros. Desgaste físico e mental, em longas horas de estudo.

Abalo psicológico, esperando uma chamada depois de aprovado. Os exemplos são vários por todo o País.

Sem contar que alguns desses concursos, são apenas ‘fachada’ para obedecer decisões judiciais.

A FARRA DOS CONCURSOS E A DESILUSÃO DOS CONCURSEIROS!



A queda de um andaime matou dois homens na manhã desta segunda-feira, 27, na cidade de Turiaçu, a 152 km de São Luís, os homens trabalhavam em uma obra na Rua Viriato Corrêa no Bairro Caema.

Os operários são de uma empresa de São Luís e faziam impermeabilização em uma Caixa D’água. Milton Carlos Fonseca de 36 anos, morador da Rua 21 de Abril, Bairro Maracanã – São Luís, e Dinaldo dos Prazeres de 52 anos, morador da Rua 06, quadra 06, Residencial Orquídea, Santa Efigênia-São Luís – MA, morreram no local.

Os corpos foram retirados do local e levados para o hospital da cidade por populares. Uma fatalidade que chocou toda a cidade de Turiaçu.

Dois homens morrem ao cair de andaime na cidade de Turiaçu.



Ao julgar um processo, o magistrado pode realizar despachos, decisões interlocutórias e sentenças. O CNJ Serviço desta semana explica cada um desses pronunciamentos do juiz, previstos no artigo 203 do Código de Processo Civil (CPC).

Os despachos, as decisões e sentenças são redigidos, datados e assinados pelos juízes, enquanto os acórdãos feitos pelos desembargadores. Da mesma forma, conforme estabelece o CPC, os despachos, as decisões interlocutórias, o dispositivo das sentenças e a ementa (resumo) dos acórdãos devem ser publicados no Diário de Justiça Eletrônico (DJe).

Sentença – De acordo com o CPC, a sentença é o pronunciamento por meio do qual o juiz “põe fim à fase cognitiva do procedimento comum, bem como extingue a execução”. Isso significa que, por meio da sentença, o juiz decide a questão trazida ao seu conhecimento, pondo fim ao processo na primeira instância. A sentença pode ser dada com ou sem julgamento do mérito, ou seja, acolhendo ou não a causa levantada pela parte. Caso exista recurso ao tribunal, os desembargadores podem proferir um acórdão. Tanto a sentença quanto o acórdão marcam o fim do processo, ao menos na instância em que se encontra.

Despachos – O CPC define como despachos todos os demais pronunciamentos do juiz praticados no processo, de ofício ou a requerimento da parte. Isto quer dizer que, nos despachos, o objetivo não é solucionar o processo, mas determinar medidas necessárias para o julgamento da ação em curso. Tratam-se, portanto, de meras movimentações administrativas – por exemplo, a citação de um réu, designação de audiência, determinação de intimação as partes e determinação de juntada de documentos, entre outros.

Saiba a diferença entre sentença, decisão e despacho




Uma criança de apenas 2 anos morreu após ser vítima, na manhã desta sexta-feira (17/03) no município de Alto Longá (76 Km de Teresina), de estrangulamento. A acusada do crime é a própria mãe.

O delegado Paulo Pires, responsável pelo distrito policial em Alto Longá, explicou ao site OitoMeia que a criança deu entrada no hospital da cidade com as manchas no corpo, o que levantou suspeitas da equipe médica.

“A criança foi levada pelo pai ao hospital da cidade. Os médicos perceberam as marcas e trataram de avisar a nossa equipe da delegacia”, disse.

Sem esboçar qualquer reação, a mãe da criança foi presa e conduzida à Teresina. “Os policias foram na residência prende-la. Não reagiu e já se encontra na Central de Flagrante”.

Ainda de acordo com Pires, a acusada apresentava um aspecto de desequilíbrio mental. “Ela tem um aspecto de que está algum distúrbio”, esclareceu o delegado, lembrando que o pai da criança está em desespero, sem acreditar no ocorrido.

Fonte: Oitomeia.com Via Portal Altos

Alto Longá: mulher é presa após estrangular filho de 2 anos


Depois de intensas buscas desde a manhã de ontem (24), a equipe do Corpo de Bombeiros de Itapecuru-Mirim enfim encontrou o corpo do jovem Wydymayk Sousa de Oliveira, vendedor externo do Armazém Paraíba de Chapadinha que havia sumido nas águas do Rio Munim desde o início da noite de quinta-feira (23), quando retornava da zona rural de Nina Rodrigues.
O corpo do jovem foi localizado entre os povoados Cachoeirinha e Baianas, cerca de 4 km de distância do local onde ele estava originalmente. Neste período do ano, com as fortes chuvas, o volume de água do rio aumenta e a correnteza fica maior, aumentando o risco de morte por afogamento de quem tenta atravessar. Várias pessoas já perderam a vida no local.

Não temos palavras para expressar os nossos sentimentos. Pedimos a Deus que conforte o coração dos familiares e amigos neste momento de dor. Que a luz e o amor divino pairem sobre a alma de quem sofre esta imensurável perda, e os console e lhes dê serenidade para atravessar esta tempestade.

Fonte; Alpanir Via Blog do Foguinho

Bombeiros encontram corpo de jovem chapadinhense que morreu por afogamento em Nina Rodrigues



Ontem (26) Iranilson Costa e Gerson Coelho estavam aterrorizando pelas proximidades da Galeria da Difusora, na Camboa. Uma viatura do Choque foi mobilizada e ao chegar ao local os dois indivíduos evadiram-se e começaram a trocar tiros com os policiais. A polícia revidou e iniciou-se um tiroteio, onde os dois acusados foram alvejados e encaminhados para o Socorrão I, porém não resistiram aos ferimentos e faleceram já no hospital.

Com os meliantes foram apreendidas duas armas de fogo, sendo uma pistola calibre 9 mm e um revólver calibre 38.

Ambos são suspeitos de envolvimento no latrocínio que vitimou 0 universitário Rafael Costa Leite, estudante de Odontologia na Faculdade Florence, na Rua Rio Branco, em abril de 2015.

Suspeitos do latrocínio que vitimou estudante de odontologia são mortos em confronto com a polícia



Raimundo Libório da Silva (56 anos), conhecido popularmente como Libório, foi encontrado morto nesta segunda–feira (27), em sua residência, no bairro Vila Redenção, região leste da cidade de Imperatriz.

O corpo de Libório foi encontrado por vizinhos, que por se incomodarem com o cheiro forte vindo da residência, resolveram arrombar a porta da mesma.

Ao entrar na casa, encontraram Libório em um dos quartos, dentro de uma rede, em avançado estado de decomposição.

Ao ser chamada, a Perícia constatou que pelo nível da decomposição a vítima pode ter falecido no início do final de semana, e que a causa pode ter sido morte natural, já que não foi encontrada na casa, evidências de crime.

Segundo os vizinhos, Libório tinha um histórico de alcoolismo crônico e morava só.

O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML), e até o fechamento desta matéria, a família não havia procurado o órgão para identificar o corpo

Homem é encontrado morto dentro de casa em Imperatriz

Seguidores

Acessos

Postagens