terça-feira, 14 de julho de 2015

Acidente no Bacuri demonstra falta de atenção dos condutores de veículos em Imperatriz



O acidente aconteceu nesse sábado (11), por volta de 9h30, na Rua Ceará com Rua Beta, no Bacuri. Dois veículos, que não tiveram os condutores identificados, se colidiram e um ficou sobre o outro.

O que chama a atenção é que os dois veículos seguiam na mesma direção e isso demonstra, mais uma vez, que as principais causas de acidentes na segunda maior cidade do Maranhão é a falta de atenção dos condutores. As manobras são arriscadas e as pessoas as fazem sabendo do risco que estão correndo, mas vão em frente assim mesmo.

Em Imperatriz, os maiores operadores da condução perigosa são motoqueiros, que cortam de todos os lados e fazem manobras perigosas em zigue-zague, provocando muitos acidentes. O motoqueiro imperatrizense não tem medo do perigo e às vezes não faz a avaliação do que pode sofrer em caso de um acidente. É comum todos os dias várias pessoas serem vistas na Delegacia de Acidentes de Trânsito (DAT) usando muletas, tratando dos problemas ocasionados por acidentes.

De janeiro até agora, de acordo com estatísticas do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), mais de mil acidentes de trânsito, alguns com mortes, foram registrados este ano em Imperatriz até o mês de junho. E vários já aconteceram nos primeiros 12 dias do mês de julho. No ocorrido na manhã de ontem, aconteceram apenas danos materiais e muita discussão para saber quem foi o culpado.

Nenhum comentário:
Escreva comentários

REGRAS DE POSTAR SEUS COMENTÁRIOS;

- Comentários que agredirem outras pessoas serão excluidos
- Deixe sua opinião e evite palavras de baixos escalão

Seguidores

Acessos

Postagens