quarta-feira, 27 de janeiro de 2016

Polícia investiga série de estupros e estrangulamentos na zona sul



Cinco mulheres foram encontradas mortas, vítimas de estupro e estrangulamento na região do Grajaú, zona sul de São Paulo. Além disso, duas delas também foram queimadas. Uma das vítimas foi Fernanda dos Santos Silva, de 27 anos. A jovem foi encontrada morta na manhã de segunda-feira (18), pela rua Estrela que Brilha.

Fernanda foi estuprada, estrangulada e teve seu corpo queimado da cintura para cima. A moça passou o domingo (17) na casa do pai de seus quatro filhos.

O homem relatou que, por volta das 3h de segunda, a jovem saiu da casa e informou que iria até um bar próximo comprar cigarro, mas a vítima não voltou.

A família recebeu a notícia por um conhecido, por volta das 6h40, de que Fernanda teria sido encontrada morta. A vítima, apesar de ter sido queimada, foi reconhecida pela família por anéis e roupas que usava.


O caso foi registrado no 85° Distrito Policial — Jardim Mirna. A Polícia Civil informou, por meio de nota, que “instaurou três inquéritos policiais para apurar casos cujas vítimas, todas do sexo feminino, foram mortas na mesma região, em curto espaço de tempo e com 'Modus Operandi' semelhante”.

Ainda em nota, a polícia diz também que “a Equipe D-Sul da Divisão de Homicídios realiza diligências nos locais dos fatos e adjacências, no sentido de identificar, localizar e prender o criminoso”.

Mesmo que os casos sejam parecidos entre si, a polícia disse que “ainda não se pode estabelecer relação entre os fatos”.

Nenhum comentário:
Escreva comentários

REGRAS DE POSTAR SEUS COMENTÁRIOS;

- Comentários que agredirem outras pessoas serão excluidos
- Deixe sua opinião e evite palavras de baixos escalão

Seguidores

Acessos

Postagens