segunda-feira, 24 de outubro de 2016

Justiça decreta soltura de mulher acusada de matar o marido em Campo Maior



O juiz de Direito da 1ª Vara Criminal, Mauro Cesar Moreira Cavalcante expediu o alvará de soltura de Claudene Araújo Silva, ré confessa do assassinato do próprio marido, Ricardo da Silva Rocha, no final da tarde do último sábado (22/10) na comunidade Porção, zona rural de Campo Maior (PI).


Ela foi presa em flagrante logo após o crime e liberada nesta segunda-feira (24) após um pedido de liberdade provisória feito pelo seu advogado, Dr. Gilberto Azevedo. O juiz acatou os motivos argumentados pelo advogado que alegou que Claudene é ré primária, possui três filhos, sendo um deles de 03 anos de idade, não apresenta periculosidade social ou risco a ordem pública e agiu em legítima defesa após discussão entre o casal.


Claudene foi liberada, mas terá que cumprir medidas cautelares, como o comparecimento mensal e obrigatório em juízo; não se ausentar da comarca onde reside sem autorização judicial e não se envolver em outros delitos. O descumprimento de quaisquer das medidas repercutirá na revogação da liberdade.

Nenhum comentário:
Escreva comentários

REGRAS DE POSTAR SEUS COMENTÁRIOS;

- Comentários que agredirem outras pessoas serão excluidos
- Deixe sua opinião e evite palavras de baixos escalão

Seguidores

Acessos

Postagens