quarta-feira, 26 de outubro de 2016

MPF manda investigar funcionários da Prefeitura de São Vicente que recebem Bolsa Família



O Ministério Público Federal mandou investigar funcionários público do município de São Vicente Ferrer que recebem mensalmente e de forma irregular dinheiro do Programa da Bolsa Família. 

A justiça recomendou e deu 60 dias para que a prefeita relacione e envie a lista para que sejam tomadas as medidas cabíveis ou segundo o procurador o gestor sofrerá as punições pelos crimes cometidos.

As primeiras investigações dão conta de que funcionários do município como: Luís Gonzaga Pinto Soares, que além de ser Secretário Municipal de Ação Social, possuí um grande patrimônio pessoal. Outra funcionária investigada é Maria Rosilene Correia Gomes secretaria da Cultura do município e empresária do ramo de Empréstimo Consignando e lojas de roupas.

Outro investigado é Dimas Silva Santos, filho do ex. Vereador Santinho Alves, funcionário do município e que possui grande patrimônio, incompatível com o programa da Bolsa Família do Governo Federal. Outra denunciada é Maria de Jesus Everton que é professora do Estado e do município. 

Outro crime investigado é a suposta doação na campanha feita por pessoas que recebem dinheiro do programa Bolsa Família e que fizeram doações incompatíveis com a sua situação financeira para candidatos.

Segundo o Procurador se comprovado os crimes e as irregularidades, além de presas, as pessoas terão que devolver todo o dinheiro acrescido de juros e correção monetária. A informação é de que a Policia Federal já estaria chegando em São Vicente de Ferrer. Agora é esperar pra ver o resultado...

Documentos abaixo:

Nenhum comentário:
Escreva comentários

REGRAS DE POSTAR SEUS COMENTÁRIOS;

- Comentários que agredirem outras pessoas serão excluidos
- Deixe sua opinião e evite palavras de baixos escalão

Seguidores

Acessos

Postagens