sexta-feira, 27 de janeiro de 2017

A Lei do Amor: Mag cai em cilada e confessa que matou e enterrou Beth



Magnólia confessará que matou Beth (Regiane Alves) e ocultou seu cadáver em A Lei do Amor. Ela cairá em uma armadilha de Ciro (Thiago Lacerda). O mau-caráter sairá da cadeia após fazer uma delação premiada, mas temerá que a ex-amante escape por falta de provas. Ele irá atrás de Mag com uma microcâmera escondida e gravará toda a conversa comprometedora.

"Hoje sou capaz de entender que a morte da Beth foi a maior prova de amor que você podia me dar", falará o ex-marido de Vitória (Camila Morgado). Aos poucos, ele fará a falsa beata assumir seus crimes.

Sem que Mag desconfie, uma caneta com uma microcâmera gravará primeiro ela falando que o dinheiro que a polícia confiscou durante a fuga de Ciro foi a grana que ela deu a Beth para sumir de São Dimas.

"Eu estava cego, a Beth me deixou cego! Nós dois fomos vítimas daquela oportunista, Magnólia", mentirá o gerente da tecelagem. Sedutor, ele afirmará que só acusou Mag de matar a rival em seu primeiro depoimento e que depois foi o delegado Celso (Marcelo Várzea) que insistiu nessa teoria.

"Não acho que você tivesse coragem de matar ninguém com as próprias mãos. E muito menos a Beth. Por que você faria isso? Pra tirá-la do meu caminho e a gente voltar? Por mais que você me amasse, Magnólia, não teria coragem. Não mataria uma pessoa para me ter a seu lado. Você não me amava tanto assim! Não a esse ponto, Magnólia", dirá o vilão.

Assassina confessa

"Não a esse ponto? Eu te amava tanto, mas tanto que eu mesma matei e sumi com o corpo da Beth", confessará a "santa". "Você não teria condições físicas pra isso", rebaterá ele. "E não tinha mesmo! Até hoje não sei onde fui buscar forças pra enterrar aquela pistoleira desgraçada", vai disparar a vilã.

"Então, você matou a Beth e a enterrou?", questionará ele. "E quase morri junto. As costas travaram de um jeito que só a nova massagista da Gigi [Mila Moreira] conseguiu fazer voltar ao normal", revelará Magnólia.

Contendo o ódio, Ciro falará que ninguém vai conseguir provar nada contra a amante. "Nem em relação a Beth nem aos crimes anteriores", soltará o ex-marido de Vitória.

Desconfiada, Mag perguntará de que crimes ele está falando. "O primeiro atentado contra o Fausto [Tarcísio Meira], por exemplo", responderá Ciro. Mag afirmará que vai negar tudo sempre e que sua palavra continua valendo mais do que a dele.

Outros crimes

"Eu vou assumir tudo sozinho! A arma do crime plantada no barco do Pedro [Reynaldo Gianecchini], o atentado contra o filho da Zuza [Ana Rosa]. Eu me sinto em dívida com você, Mag. Por não ter valorizado devidamente o seu amor e a sua generosidade", mentirá Ciro.

Ciro dirá que sente remorso dos crimes que eles cometeram. "Nós só apelamos pra medidas extremas porque o que estava em jogo era a nossa sobrevivência! E Deus é a maior testemunha disso! Ou acha que gosto de soluções violentas? Elas eram sempre o último recurso e você sabe disso", vai declarar a viúva de Fausto.

Após conseguir a confissão, Ciro ficará apavorado ao ver Tião (José Mayer) entrar com seguranças para expulsá-lo de sua casa. A essa altura da trama, Mag estará hospedada no apartamento do milionário. Antes de colocar o gerente da tecelagem para fora, o banqueiro pegará a caneta com microcâmera pendurada no bolso de Ciro e dirá que quer guardar o objeto como lembrança.

Tião já terá sido alertado do plano de Ciro porque Valdir (Marcos Marcondes) ficará na cola do gerente da tecelagem a partir do momento em que ele sair da cadeia. Essa sequência vai ao ar no dia 14.

Fonte: Notícias da TV via Portal Altos

Nenhum comentário:
Escreva comentários

REGRAS DE POSTAR SEUS COMENTÁRIOS;

- Comentários que agredirem outras pessoas serão excluidos
- Deixe sua opinião e evite palavras de baixos escalão

Seguidores

Acessos

Postagens