domingo, 22 de abril de 2018

Chegando mais longe: TIM e Vivo vão compartilhar sinal para atender áreas rurais

A oferta de atendimento de operadoras de telefonia a áreas mais afastadas do Brasil sempre enfrentou impedimentos relacionados, entre outros problemas, à disponibilidade de sinal. Para resolver isso, a Anatel permitiu o compartilhamento da rede da TIM e Vivo para atender a áreas rurais.

A Agência Nacional de Telecomunicações publicou no dia de hoje, 20 de abril, as outorgas da Telefônica, responsável pela Vivo, de radiofrequências associadas ao servi;o móvel já solicitada para a TIM. Elas fazem parte de um contrato de compartilhamento, previsto no edital de faixas de 450 MHz e 2,5 GHz. Da mesma forma, a TIM poderá utilizar a rede já instalada da Vivo para alcançar mais clientes em áreas afastadas.

A ideia é que o compartilhamento permita, além do serviço de telefonia móvel, também o atendimento com telefonia fixa. As frequências que serão usadas estão nas faixas 800 MHz, 1,9 GHz e 2,1 GHz. As autorizações são válidas até novembro de 2020, mesma data de validade do acordo de compartilhamento de rede.

Recentemente, a TIM anunciou a expansão da sua internet de banda larga por fibra ótica. O anúncio feito após a Vivo anunciar a ampliação da sua rede de fibra ótica pelo interior do estado de SP.

Nenhum comentário:
Escreva comentários

REGRAS DE POSTAR SEUS COMENTÁRIOS;

- Comentários que agredirem outras pessoas serão excluidos
- Deixe sua opinião e evite palavras de baixos escalão

Seguidores

Acessos

Postagens