segunda-feira, 11 de junho de 2018

Governo Flávio Dino vai pagar R$ 820 mil para empresa enviar WhatsApp

Sob o comando de Flávio Dino (PCdoB), o Governo do Maranhão vai pagar R$ 820.080,00 para uma empresa do Rio de Janeiro gerenciar e enviar 900 mil mensagens instantâneas via aplicativo WhatsApp, até o último dia deste ano eleitoral.

O contrato nº 015/2018, que prevê o envio de mais de 3 mil mensagens diárias para pessoas físicas e jurídicas, foi assinado em 25 de maio pelo titular da Secretaria de Estado da Comunicação Social e Assuntos Políticos (Secap), Daniel Fernandes Merli e a representante da empresa Ideia Inteligência e Pesquisa Ltda, Viviane de Lurdes Henz. Veja o contrato.

A informação revelada pelo site Atual7 destacou que a cláusula primeira do contrato omite o nome do aplicativo WhatsApp, ao tratar do objeto da contratação, contrariando o que estava exposto no processo administrativo n.º 0026066/2018 relativo ao pregão n.º 001/2018.

O edital do referido pregão cita o nome do aplicativo no quadro de especificação de serviços, depois de listar as previsões da criação de um painel administrativo e do treinamento da equipe que utilizaria o sistema:

“Envio de [900 mil] mensagens instantâneas multiplataforma para smartphones e tablets (canal interativo de comunicação e atendimento “whatsapp”), além do montante anual possibilitado pelo quantitativo da franquia da solução”, diz o trecho do edital que pode ser lido aqui.

O edital que serviu de base para a contratação prevê que a empresa deverá possuir banco de dados próprio com informações de pelo menos três milhões de maranhenses, com nome; CPF ou CNPJ; data de nascimento; sexo; endereço; telefone atualizado de no mínimo 30% das pessoas, sendo pelo menos metade com número de celular; e um mínimo de 70% com informações sobre renda, para fins de programas sociais específicos.

A empresa tem seu quadro societário composto por Maurício José Serpa Barros de Moura e Fernando Everton Pinheiro de Aquino.

Com o mesmo nível de falta de detalhamento, a Ideia Inteligência e Pesquisa Ltda já havia sido contratada pela pasta da Comunicação do Governo Flávio Dino, em 2015, por pouco mais de R$ 114 mil, para levantar hábitos de consumo de mídia pela população.

Nenhum comentário:
Escreva comentários

REGRAS DE POSTAR SEUS COMENTÁRIOS;

- Comentários que agredirem outras pessoas serão excluidos
- Deixe sua opinião e evite palavras de baixos escalão

Seguidores

Acessos

Postagens